Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Março 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

O Bar da Cercigaia

Abril sempre

Teatro Abril Sempre

As janeiras

Janeiras de 2012

O meu Natal

O Natal

O Pai Natal

O meu Natal

O natal

Arquivos

Março 2013

Maio 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Março 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Horas

links



Quinta-feira, 24 de Setembro de 2009

4º Festival Nacional da Canção

No dia 17 de Julho de 2009 fomos para Lousã. Quando chegamos lá fomos pôr as malas nos quartos e depois eu acho que quando chegamos dos quartos fomos para os ensaios no cine teatro e depois eu acho que fomos comer e depois já não sei o que fomos fazer. À noite fomos lavar os dentes, e a minha colega Fátima, do dia 17 de Julho de 2009 para o dia 18 de Julho de 2009, ressonou muito que até parecia o meu pai. No dia18 de Julho de 2009 eu estava muito nervosa por causa do Festival da Canção, pois foi muito bonito quando eu, o Miguel Ângelo, a Fátima, a Cláudia Sofia e o Henrique entramos no palco e os da CerciGaia bateram todos palmas e o resto do público também. Eu, quando estava a cantar, vi um papel a dizer assim “Tóca Tu” e a minha mãe disse-me a mim que quem estava com esse papel era o Ernesto. Os monitores, Miguel Ângelo, São e Pedro Lopes já sabiam que os meus pais iam ver o espectáculo. Depois do espectáculo, quando vi os meus pais, comecei a chorar. Na Sexta-feira à noite eu, a Fátima, a Cláudia Sofia, o Henrique, o Miguel Ângelo, o Pedro Lopes, a São e a Susana a que nos acompanhou em Lousã fomos à discoteca. No dia 18 de Julho de 2009 fomos arranjar o cabelo. Houve um dia que eu estava a falar com a São e o Pedro Lopes disse assim “oh Vânia cala-te” e a São disse assim para mim “oh Vânia diz ao Pedro Lopes - oh Pedro cala-te”. No dia 18 de Julho de 2009 quando vi o Ernesto eu disse assim para o Ernesto “oh Ernesto” e ele olhou para mim e disse assim para mim “então rapariga” e eu disse assim para o Ernesto “perdemos” e depois quando eu disse assim para o Ernesto “olha a minha mãe disse assim para mim - olha oh Vânia sabes quem é que estava com o papel a dizer Tóca Tu era o Ernesto” e ele disse assim para mim “eu, eu cheguei agora”. Gostei muito de ir a Lousã.

 

Vânia Castro

publicado por cercigaia às 15:07

link do post | comentar | favorito
|